Arquivo | agosto, 2016

Assim…

13 ago

meee

Eu me condenei a viver só,
A não querer mais nada de ninguém,
Mesmo precisando de tudo.

Anúncios

Aquele nada…

11 ago

20160811_154620

Eu jurei que nao escreveria mais nada

Mas de quê adianta não escrever e sentir?

Tem horas que bate um desespero

As lágrimas escorrem e eu só sinto o tanto de amor seguido de mágoa que ainda resta em mim

É tão mais forte do que o meu querer que já nem sei mais qual é

Quanta saudade

Às vezes eu só queria em encontro,

Um olhar que dissesse por nós o que há de bom

Enfim

Que tortura ter um amor perdido…